TurfeOnline.com

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Banner
Banner
Banner
Banner


Descendente de T.H.Approval foi superior

na terceira prova da Quádrupla Coroa

O tradicional Grande Prêmio Derby Paulista (Grupo I – R$ 30.000,00) – para animais de 3 anos, sendo a terceira prova da Quádrupla Coroa de Produtos –, teve sua edição 2019 realizada Sábado, dia 9 de Outubro, no percurso de 2.400 metros, em pista de grama macia, do Hipódromo de Cidade Jardim.

A vitória ficou com o precioso potro NÃO DÁ MAIS (Macho, Castanho, 3 anos, de São Paulo – T.H.Approval e Espetacular por Pitu da Guanabara), criado por seu proprietário, o Haras Phillipson.

Precisamente comandado pelo carioca Carlos Lavor, o neto de Pitu da Guanabara não encontrou dificuldades para obter o terceiro título de sua brilhante campanha – todos em provas de Grupo I. Na dianteira desde os primeiros movimentos da carreira, NÃO DÁ MAIS despediu-se de seus adversários na reta de chegada, garantindo pouco menos de 4 corpos de vantagem no espelho sobre seu irmão paterno e companheiro de farda, Noblesse You (3.T.H.Approval), formando a dobradinha do Haras Phillipson nesta importante prova do calendário clássico nacional. Também em boa corrida, o valente Olympic Jack (3.Agnes Gold), concluiu sua apresentação no terceiro lugar. Única fêmea do páreo, Força (3.Salto) ultrapassou o espelho em quarto, deixando Peter Wells (3.Public Purse) na quinta posição. Fora do marcador, finalizaram: Keep Down (areia é seu forte) e Eron do Jaguaretê. O provável favorito e candidato à Tríplice Coroa, Mestre do Iguassu, que teve febre na semana da corrida, lamentavelmente não pôde atuar.

Mantido, em perfeito estado atlético, pelo qualificado Afonso F.Barbosa, que atua no Centro de Treinamento de Campinas, o mais novo derbywinner do Turfe brasileiro, NÃO DÁ MAIS, registrou a marca de 2m27s361s.

FOTO: Hipódromo de Cidade Jardim

NÃO DÁ MAIS desfilou seu talento na raia paulista


 

Pensionista de Luiz Roberto Feltran (PR) brilhou

intensamente no quilômetro gramado paulista

Única fêmea do páreo e representante da Geração nascida em 2016, a brilhante velocista BEST IN TOWN (Fêmea, Castanha, 3 anos, do Rio Grande do Sul – Put It Back e Madour por Hussonet), de criação do Haras Old Friends Ltda. e propriedade do Haras do Morro, ergueu o troféu do renomado Grande Prêmio Proclamação da República (Grupo II – R$ 24.000,00) – para produtos de 3 anos e mais idade –, que aconteceu Sábado, dia 9, no quilômetro gramado, em pista macia, do Jockey Club de São Paulo.

Contando com qualificada orientação do líder da estatística carioca, Bruno Queiroz, a irmã da craque Pippa (Belong To Me) – campeã, entre outras provas, do Grande Prêmio Major Suckow 2012 (G.I) – evoluiu intensamente nos momentos decisivos para obter a segunda vitória clássica de sua campanha, sendo a primeira em prova de Grupo. Com estilo, BEST IN TOWN livrou meio corpo de vantagem sobre o incrível Consul American (8.First American), vencedor desta prova em 2018. Algo afastado, em terceiro, finalizou Ultraforte (4.Tiger Heart). Tiger Of Joy (4.Tiger Heart) chegou em quarto, com Mexe Que Mexe (4.T.H.Approval) na quinta e última posição.

Muitíssimo bem preparada, no Paraná, pelo qualificado Luiz Roberto Feltran, a campeã, BEST IN TOWN, que começa a seguir os passos de sua irmã famosa, registrou a marca de 55s669s.

FOTO: Hipódromo de Cidade Jardim

BEST IN TOWN agigantou-se entre os velocistas


 

Haras e Studs


Publicidade

Banner
Banner
Banner

Apoio

Banner
Banner
ZooBIO.pt

Banner
Banner