TurfeOnline.com

  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
Banner
Banner


Pensionista de Adélcio Menegolo (CT-RJ) incluiu seu nome na seleta

Galeria de Campeãs desta importante prova do calendário clássico nacional

Em comemoração ao aniversário da cidade de São Paulo, que completa 467 anos neste 2021, o Hipódromo Paulistano promoveu Sábado, dia 23, a disputa do tradicional Grande Prêmio 25 de Janeiro (Grupo II – R$ 24.000,00), reunindo onze qualificadas fêmeas de 3 anos e mais idade.

A estrela que brilhou intensamente foi a da preferida dos apostadores, GOLDEN PACIFIC (Fêmea, Alazã, 5 anos, do Rio Grande do Sul – Agnes Gold e Pacific Girl por Hard Spun), de criação do Haras Anderson e propriedade do Haras Sweet Carol.

Recebendo preciosa orientação do excelente Leandro Henrique, que a conhece muito bem, a bela filha de Agnes Gold permaneceu em sexto durante o começo da carreira, aguardando a reta final para evoluir. Na energia de seu piloto, GOLDEN PACIFIC ganhou terreno na seta dos 150 metros finais para alcançar o sucesso, livrando 1 corpo e meio de vantagem sobre a veloz e valente Karol King (6.Rock Of Gibraltar), que tentava o bicampeonato e vendeu caro a derrota. A eficiente Lixívia (4.Crafty C.T.), outra que correu bem, ficou com o terceiro lugar. Eliz do Jaguaretê (4.Kodiak Kowboy), ultrapassou o espelho em quarto, deixando a potranca Old Glory (3.Victory Is Ours) na quinta posição. A seguir, terminaram: Lady do Iguassu, Pavlova, Trama de Birigui, Tranca de Birigui, Lady Gui Gui e Nova Aliança.

Perfeitamente preparada, em Centro de Treinamento na serra fluminense, pelo competente Adélcio Menegolo, a vitoriosa, GOLDEN PACIFIC, que conseguiu a quarta vitória nobre de sua campanha – sendo a primeira em prova de Grupo – registrou a marca de 2m02s280s.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

GOLDEN PACIFIC: Filha de Agnes Gold evoluiu na reta final

para conseguir sua vitória mais importante


 

Comandada de Marcos Ribeiro não encontrou

dificuldades para confirmar seu destacado favoritismo

Realizado Sábado, dia 23, no percurso de 1.200 metros, em pista de areia pesada, do Hipódromo Paulistano, o Clássico Thomaz Teixeira de Assumpção Junior 2021 (Listed Race – R$ 11.000,00) – para fêmeas de 3 anos e mais idade –, marcou a segunda vitória nobre da campanha da preciosa corredora FASCINATIN FANNY (Fêmea, Castanha, 3 anos, do Paraná – Forestry e Neuilly por Royal Academy), criada por seu proprietário, o Haras Cima.

Contando com segura orientação do hábil Marcos Ribeiro, a descendente de Forestry, mantida entre as ponteiras desde a largada, despediu-se das adversárias quando restavam 300 metros para o espelho. Franca-favorita dos apostadores, FASCINATIN FANNY garantiu 2 corpos e meio de vantagem sobre a qualificada Best Magee (4.Pioneering), que ficou com a formação da Dupla. A terceira posição pertenceu a Hamitbey (4.Poker Face). Poderosa Ghadeer (4.Quick Road) finalizou em quarto, deixando Heidy Bloom (4.Banking) no complemento do marcador. Depois, terminaram: Tara de Birigui e Gold Heart.

O cuidadoso Olivo Zantedeschi, que atua no Paraná, é quem responde pelo treinamento da campeã, FASCINATIN FANNY, que totaliza quatro vitórias em cinco exibições. 1m09s636s foi o tempo da competição.

FOTO: Porfírio Menezes – Jockey Club de São Paulo

O vôo da vitória de FASCINATIN FANNY


 

Haras e Studs


Publicidade

Banner
Banner
Banner
Banner

Apoio

Banner

Banner
Banner